!-- JavaScript Resumo do Post -->

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Afinal de contas: McFly

Oie!
Hoje eu decidi fazer a alegria das fãs dessa banda inglesa, que vira e mexe aparece nas minhas fics, mesmo que seja só por causa de uma música. Muitas meninas podem se surpreender ao perceber que eles são aquela banda que aparece no filme "Sorte no amor" (e mais ainda com um Tom Fletcher fofinho).


Em 20/05/2011, eles finalmente tomaram vergonha na cara e fizeram um show aqui em BH. E eu lá, em cima de um salto de 10 cms (Eu sei que é loucura e tal, mas até valeu a pena. Ô show para ter um bando de gente alta!) dançando e cantando e soltando a franga como se estivesse em casa e não no Chevrolet Hall lotado. Foi bem... Divertido.


Enfim, vamos à história da banda:


McFLY é uma banda britânica de pop rock/punk que alcançou a fama em 2004. A banda, formada em Londres, foi fundada por Tom Fletcher (vocalista/guitarrista) e é  também formada por Danny Jones (vocalista/ guitarrista), Dougie Poynter (vocalista/baixista) e Harry Judd (baterista). É gerenciada pela Prestige Management e tinha contrato assinado com a gravadora Island Records desde o seu lançamento em 2004, até dezembro de 2007, antes de criar sua própria gravadora, a Super Records.


A história da banda britânica começou em 2003, quando o seu futuro vocalista, Thomas Fletcher (Tom), prestou um teste vocal para, na época, entrar na banda Busted. O teste não deu certo, mas Tom foi chamado para trabalhar com filmagens de testes da agência e passou a compor música com o vocalista da banda Busted. O tempo passou e Danny Jones, que queria fazer um teste de rock, acabou fazendo erroneamente um teste para uma boyband chamada V. Não foi aceito, mas Tom acabou chamando Danny, para começarem a compor canções.


O sonho de formar uma banda estava cada vez mais vivo. Os dois juntos, em certo dia, cantaram para os executivos da Universal Music e expuseram-lhes a ideia de montar uma banda. Foram feitos testes e Harry Judd entrou como baterista e depois Dougie Poynter, o mais novo de todos, entrou como baixista.


O nome da banda, McFLY, foi escolhido pelo grupo, em homenagem a Marty McFly do filme De Volta para o Futuro


O álbum de lançamento do McFLY, Room On The 3rd Floor, estreou em primeiro lugar no UK Albums Chart e recebeu o disco de platina duplo. McFLY é também a banda mais jovem a ter um álbum de estréia em primeiro lugar no Reino Unido. Um mês após o álbum ter sido lançado, a banda teve sua primeira turnê pelo Reino Unido. Seu segundo álbum, Wonderland, também alcançou o primeiro lugar no Reino Unido e foi lançado em 2005. Motion In The Ocean, o terceiro álbum, foi lançado em 6 de Novembro de 2006 e ficou na sexta posição no Reino Unido. McFLY lançou sua coletânea musical All The Greatest Hits em 5 de Novembro de 2007, que ficou na quarta posição nas paradas britânicas. O quarto álbum de estúdio da banda, Radio:Active, foi distribuído gratuitamente como um complemento do jornal The Mail on Sunday em 20 de Julho de 2008, e foi posteriormente lançado nas lojas em 22 de Setembro de 2008 com quatro faixas adicionais, um DVD e um folheto de 32 páginas.


McFLY também apareceu na comédia teen “Sorte no Amor” (Just My Luck), estrelado por Lindsay Lohan e Chris Pine, em 2006. A banda representou a si própria no filme e lançou um álbum, “Just My Luck“, que também foi utilizado como trilha sonora do filme.


Até julho de 2008, McFLY teve quinze singles top dez, dos quais sete atingiram a primeira posição no UK Albums Chart.


No final do ano de 2010 a banda lançou seu quinto álbum de estúdio, Above The Noise, além do fansite Super City e do curta-metragem Nowhere Left To Run. (Fonte: McFlyers.com.br)


Hoje em dia, não tem nenhum solteiro (O Tom se casou agora em Maio com a namorada de "infância", Giovanna Falcone) e ao que tudo indica, o próximo a subir ao altar é o Harry.


No dia do casamento do Tom, mais para o final da tarde, enquanto eu estava no tumblr, vi o como as fãs deles são: Se boa parte (Não são todas!!!!) das "aliens" criticam a Ria e outras meninas que, muitas vezes, só tiram foto com eles, as fãs do McFly estavam realmente felizes pelo casamento do Tom e da Giovanna. Uma em especial só postava/reblogava coisas tipo: Comentários deles sobre como se conheceram, fotos da época (Tom e Giovanna se conheceram com 13 anos, na escola - Que serviu como cenário para o pedido) e sempre desejando a felicidade deles. Nesse ponto, cutuco mesmo as fãs de Tokio Hotel, justamente por não se lembrarem que eles também são seres humanos e merecem ser felizes, independente de quem sejam as namoradas (Olhem só como que o Georg tá feliz com a namorada dele!!!!)


Enfim, o post não é para cutucar fãs nem nada. E sim, sobre o McFly. Então, voltando ao assunto...


Gosto de várias músicas, entre elas a primeira (Que eu estou ouvindo, inclusive xD) que estourou mesmo: "5 colours in her hair". Até o lançamento da coletânea, muita gente sempre falou que tinha uma pegada dos Beatles. Com o "Above the noise" (O último - O que eu comprei), o som mudou um pouco (Para as aliens terem uma ideia, foi o que aconteceu com o Humanoid.), ficando um pouco mais... Pop. Vi vários comentários das fãs, que não gostaram dessa mudança. Pessoalmente, acho que foi bom eles terem se arriscado, ainda que poucas realmente gostaram.


Até onde eu sei, eles estão trabalhando no próximo álbum que, ao que tudo indica, vai voltar às raízes do McFly.


Para finalizar...


Crédito: McFly Spain.net





































 (Nas duas fotos, da esquerda para a direita: Tom, Danny, Harry e Dougie)



E, para não perder o costume...


-> 5 colours in her hair:



-> Transylvania (Escrita e cantada pelo Dougie - A bela dama - e detalhe da combinação "Vestido de época + meia na canela + tênis de skatista"):



-> Lies:



-> Party Girl:



(Detalhe que, no show aqui em BH, essa foi a música de abertura. E é uma das minhas preferidas...)

E, finalizando a parte dos vídeos... Dois desafios de uma marca de chocolates inglesa (Cadbury)



(A cara do Danny! xD Aposto que depois dessa, ele passou a dar valor ao sofrimento da namorada quando se depila!)




(Tentem se imaginar no lugar dessas pessoas que pegam o elevador e encontram esses dois...)

Bom, é isso. Espero que tenham gostado (Já que é impossível manter a seriedade com eles...) e até a próxima ;D
Beijinhos ;*
 

P.s.: No nono capítulo de "A dama e o vagabundo", eles começam a aparecer com mais frequência ;D